Embora o ato de meditar remeta à religiosidade oriental – como o budismo e hinduísmo – essa prática milenar tem sido tema de vários estudos científicos nos últimos anos. Isto porque foi encontrada associação na literatura entre meditação e melhorias em diferentes aspectos neurocognitivos que dizem respeito à nossa saúde mental e qualidade de vida, especialmente quando a técnica empregada é a mindfulness (atenção ou consciência plena).

Meditação e desempenho de memória: o que dizem as pesquisas? - SUPERA - Ginástica para o Cérebro

Tal técnica foi inserida no contexto acadêmico em meados da década de 1970 nos Estados Unidos pelo Dr. Jon Kabat-Zim, atualmente professor emérito da Escola de Medicina da Universidade de Massachusetts, conhecido internacionalmente por seu trabalho como cientista, escritor e professor de meditação empenhado em trazer a atenção plena ou mindfulness para a corrente principal da medicina e da sociedade.

Trata-se de uma técnica que se utiliza de um processo pelo qual aperfeiçoamos nossa atenção e percepção do momento presente, refinando-as e conduzindo-as para um maior uso prático em nossas vidas.

Meditação e desempenho de memória: o que dizem as pesquisas? - SUPERA - Ginástica para o Cérebro

Um procedimento que pode nos ajudar a perceber que o caminho a que chamamos de nossa vida tem direção; que ele está sempre se desdobrando, a cada momento; e o que acontece agora, neste instante, influencia o que acontecerá a seguir. Além disso, trata-se de uma intervenção não farmacológica acessível e de fácil aprendizagem.

Muitos dos adeptos da meditação fazem uso desta abordagem no contexto de terapias complementares ao tratamento de doenças crônicas ou de dependência química.

Há, também, os que a utilizam simplesmente como uma estratégia de promoção de saúde, dada a sua influência em aspectos cognitivos – como a atenção – e redução do estresse, ao passo que outros objetivam uma melhor performance em práticas esportivas. Mas, ainda no âmbito cognitivo, será que a meditação pode trazer mudanças relevantes para a memória?

Em um estudo longitudinal controlado realizado por Hölzel e colaboradores em 2011, imagens de ressonância magnética revelaram que os indivíduos que foram submetidos a uma intervenção com práticas meditativas no estilo mindfulness, durante oito semanas, apresentaram aumento na densidade de massa cinzenta do hipocampo, em comparação com o grupo-controle que nunca meditou.

Como o hipocampo é a região cerebral envolvida em processos relacionados à memória, os resultados sugerem que a técnica mindfulness impacta positivamente sobre este subsistema cognitivo.

Meditação e desempenho de memória: o que dizem as pesquisas? - SUPERA - Ginástica para o Cérebro

   Publicações recentes endossam o que fora anteriormente encontrado. Um estudo publicado em 2021 e intitulado “A meditação mindfulness melhora a memória visual de curto prazo” revelou que uma única sessão de intervenção com a técnica mindfulness foi capaz de melhorar o desempenho dos participantes da pesquisa no que diz respeito à memória visual de curto prazo, em comparação com um grupo controle.

 E aí, ficou interessado(a) na técnica? Se sim, a seguir o link de uma entrevista (legendada em português) com o Prof. Dr. Jon Kabat-Zim, fundador da Clínica de Redução de Stress baseada em Mindfulness (em 1979) e do Centro para Mindfulness em Medicina, Saúde e Sociedade (em 1995): https://www.youtube.com/watch?v=oxtipqMXoZ0. E, para treinar a habilidade de atenção ou consciência plena, alguns aplicativos para você baixar em seu smartphone ou tablet:

Headspace: Meditação e Mindfulness

Para Android: https://play.google.com/store/apps/details?id=com.getsomeheadspace.android

Para IOS: https://apps.apple.com/us/app/headspace-com-meditation-mindfulness/id493145008

5′ Minutos, Eu Medito

Para Android: https://play.google.com/store/apps/details?id=com.polvo.cincominutos

Para IOS: https://apps.apple.com/br/app/5-minutos-eu-medito/id687191889

Meditações Jon Kabat-Zinn – (desenvolvido pelo Prof. Dr. Jon Kabat-Zim):

Para Android: https://play.google.com/store/apps/details?id=com.mindfulnessapps.jkz

Para IOS: https://apps.apple.com/us/app/jon-kabat-zinn-meditations/id1514947607#?platform=iphone

Por fim, se você prefere livros a aplicativossegue uma dica de leitura acerca da técnica mindfulness:

 Livro “A Mente Alerta” do Prof. Dr. Jon Kabat-Zim

Tradução de Vera Werneck

ISBN: 8573023465

Boa meditação!

Interessante, não é mesmo? Aproveite para conhecer o Método SUPERA de perto! Clique aqui e agende uma AULA GRÁTIS.

Meditação e desempenho de memória: o que dizem as pesquisas? - SUPERA - Ginástica para o Cérebro

0 comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *